Artigo:

A final do Campeonato Paulista de 2021 será disputada por dois dos maiores times do futebol brasileiro: Santos e Palmeiras. Com a partida se aproximando, a expectativa só aumenta e a pergunta que não quer calar é: quem é o favorito na disputa?

Para responder a essa pergunta, é preciso analisar o desempenho das duas equipes ao longo deste Paulistão. O Santos, comandado pelo técnico Fernando Diniz, chegou à final após eliminar o Corinthians nas semifinais. Durante a competição, o Peixe demonstrou um futebol bastante ofensivo, com destaque para o atacante Marinho.

Já o Palmeiras, dirigido por Abel Ferreira, passou pelo São Paulo na fase anterior. O Verdão vem de uma sequência de vitórias no Estadual e apresenta um estilo de jogo mais equilibrado, com uma defesa sólida e campanhas importantes na Libertadores e na Copa do Brasil.

Ao avaliar essas características, é possível dizer que a disputa será bastante equilibrada. O Santos tem um time bastante habilidoso e que gosta de atacar, mas pode sofrer com a falta de compactação e a deficiência na marcação. Já o Palmeiras tem um conjunto mais sólido e organizado, mas peca em alguns momentos pelo excessivo pragmatismo.

Outro fator que pode influenciar na partida é a questão emocional. O Santos chega à final em busca de seu 23º título paulista e com a pressão de precisar vencer para apagar as lembranças recentes de derrotas em finais do torneio. Já o Palmeiras, atual campeão da Libertadores, tem um momento mais tranquilo e pode usar a experiência vitoriosa para atuar com mais confiança.

Diante dessas análises, podemos chegar à conclusão de que nenhum dos dois times tem um favoritismo claro na final do Paulistão de 2021. O Santos tem um potencial ofensivo muito grande, mas pode sofrer com a desorganização. Já o Palmeiras tem uma equipe mais experiente e um futebol mais regular, mas precisa tomar cuidado para não cair em excessos defensivos.

O que podemos afirmar, no entanto, é que a partida promete ser muito emocionante e disputada. A final do Campeonato Paulista sempre reserva grandes emoções e não será diferente desta vez. Santos e Palmeiras entram em campo com o mesmo objetivo: levantar a taça no final. E os torcedores têm tudo para vibrar muito com mais uma página histórica do futebol brasileiro sendo escrita.